Notícias

Você conhece o processo de cremação? Saiba mais!

13/10/2016 09h51 | Atualizado em: 13/10/2016 09h58

ENTENDA O PROCESSO DE CREMAÇÃO

A cremação é uma técnica funerária que visa reduzir o corpo a cinzas, queimando-o. Não é uma prática muito comum no Brasil e ainda existe muita resistência em relação a este processo, que é rodeado de mitos. Um deles é de que é um processo muito caro, luxuoso e que somente pessoas com alto poder aquisitivo podem realizá-lo. Mas, ao contrário do que se pensa, a cremação é um processo acessível e, além disso, é ecologicamente correto, sendo uma forte tendência de sepultamento para o futuro, tanto pelo papel ecológico quanto pela sua eficácia em resolver o problema da falta de espaços para os sepultamentos convencionais.

 Porque é um processo ecológico?

Nos enterros tradicionais certos poluentes ambientais presentes nas soluções de embalsamento podem contaminar o solo e até mesmo a água. Isso acontece porque, dependendo da qualidade do material na fabricação dos caixões, os mesmos podem ser contaminados.

 Como é o processo de cremação?

Antes da cremação é feito o velório, da maneira que a família achar melhor. O velório ocorrerá normalmente e, caso a família optar pela cremação, o corpo é levado para o crematório. Em um forno crematório desenvolvido especificamente para este fim, o corpo é submetido a uma temperatura de aproximadamente 1000 graus. Este processo só pode ser feito 24 horas após o óbito e tem duração de 2 a 3 horas. Ao final da incineração restam apenas cinzas e fragmentos ósseos, que são triturados para que virem pó. Então é colocado na urna e entregue aos familiares.

 Porque pessoas optam pela cremação?

Cada pessoa tem suas crenças e vontades e respeitá-las é respeitar também sua memória. Existem diversos motivos para escolher a cremação ao fim da vida. Alguns escolher pelo seu papel na preservação do meio ambiente, outros como forma de respeito e dignidade, acelerando o processo bíblico: “Do pó viemos e ao pó retornaremos...”. Há ainda quem associe à ideia da liberdade que é dada ao corpo por permitir cultivar memórias positivas, não associadas a um túmulo.

Se este é um processo que você considera como a melhor opção, você deve expressar essa vontade à sua família em vida ou deixar documentado. Apesar de não querermos pensar no nosso fim expressar essa vontade será uma forma de manter viva sua memória. ¬

Tem interesse no processo de cremação? A Real Pax oferece auxilio para as famílias que optam por esta forma de sepultamento. Entre em contato conosco e saiba mais.

Conheça a real pax e saiba por que estamos
no mercado do sudoeste goiano há mais de 50 anos!
Clique aqui e saiba mais »